Capacidade instalada das indústrias pernambucanas se mantém acima da média histórica em novembro

Capacidade instalada das indústrias pernambucanas se mantém acima da média histórica em novembro

A Utilização da Capacidade Instalada (UCI) das indústrias referente a Pernambuco fechou o mês de novembro com 69%, 5 pontos percentuais acima da média histórica de 64% no estado, e acima da média de 63,3% dos últimos 12 meses. No Brasil, a UCI de novembro marcou 71%, mesmo percentual registrado para a região Nordeste, que recuou 2 pontos com relação a outubro. De forma geral, o resultado sinaliza para a existência de espaço para a estrutura industrial crescer, aumentar o nível de produção e gerar mais emprego.   

Os dados são da Confederação Nacional da Indústria (CNI), que assinala, como principal causa do atual patamar na UCI, a política de alta dos juros iniciada em março de 2021 para conter a inflação. O efeito do outro lado da moeda é a estabilização da atividade industrial, com impacto no emprego e nas expectativas dos empresários.

.

Já a pesquisa do Índice de Confiança do Empresário Industrial (Icei) referente ao mês de dezembro registrou 57,5 pontos em Pernambuco, resultado acima da média história de 55,8. Em nível nacional, o Icei anotou 50,8 pontos, aproximando-se mais da linha divisória dos 50 pontos que separa confiança dos empresários da indústria de falta de confiança. Apesar de ter sido o menor valor do Icei nacional para 2022, a conclusão é de que o corpo empresarial brasileiro segue confiante, mas de forma mais moderada e menos disseminada.

Related posts

Mercado de trabalho: setor de Automação e Mecatrônica absorve quase 100% de técnicos formados em Pernambuco

Mercado de trabalho: setor de Automação e Mecatrônica absorve quase 100% de técnicos formados em Pernambuco   Pesquisa realizada pelo Observatório da Indústria do SENAI-PE apontou para a absorção de 96,4% dos concluintes oriundos dos cursos de Automação e...

Read More