IPCA 15 Brasil: alta de 0,52% em dezembro mais uma vez puxada por aumento nos combustíveis e itens de alimentação

IPCA 15 Brasil: alta de 0,52% em dezembro mais uma vez puxada por aumento nos combustíveis e itens de alimentação

Com alta em sete dos nove grupos acompanhados, o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) 15 registrou 0,52% de variação em dezembro. Dessa forma, a inflação de 2022 do índice chegou ao acumulado de 5,90%, valor 0,26 ponto acima do esperado pelo mercado de acordo com o Boletim Focus (23/12).

Entre as capitais, Recife obteve 0,45% de alta no mês, Fortaleza marcou 0,53% e Salvador 0,36%, enquanto no acumulado fecharam o ano com percentuais de 5,91, 5,85 e 6,83 respectivamente.

.

Dos grupos monitorados, os principais responsáveis pelo resultado de dezembro foram o de Transportes (0,85%) e o de Alimentação & bebidas (0,69%), que contribuíram mais pelos devidos pesos de 20,4% e 21,8% na composição da média final. Em Transportes, os combustíveis foram os itens de maior variação (1,79%), com os subitens do etanol e gasolina com altas respectivas de 5,44% e 1,52%.

No acumulado do ano, no entanto, os combustíveis tiveram um recuo de 23,69%, sendo de -26,38% para o etanol e de -25,46% no caso da gasolina. Já o diesel e o gás natural veicular (GNV), no acumulado, tiveram alta de 24,13% e de 10,63%.

.

Combustíveis – Pernambuco

Uma análise da série histórica de preços de combustíveis em Pernambuco revelou que a gasolina comum, a gasolina aditivada e o etanol chegaram ao fim do ano custando menos, em sintonia com o resultado acumulado do IPCA 15. Ao se comparar o mês de janeiro com o de novembro, observa-se que houve redução de 24,4%, 24,0% e de 29,3% nos itens citados, fruto direto da política de cortes de alíquotas implantada pelo Governo Federal, que tem prazo de validade até 31/12. Por outro lado, o diesel S10 e comum, e o GNV, mesmo com as medidas governamentais, apresentaram altas respectivas de 21,3%, 19,7% e de 0,8% na comparação de novembro com janeiro. Os dados são da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP).     

.

Related posts

Mercado de trabalho: setor de Automação e Mecatrônica absorve quase 100% de técnicos formados em Pernambuco

Mercado de trabalho: setor de Automação e Mecatrônica absorve quase 100% de técnicos formados em Pernambuco   Pesquisa realizada pelo Observatório da Indústria do SENAI-PE apontou para a absorção de 96,4% dos concluintes oriundos dos cursos de Automação e...

Read More