IPCA fecha 2022 com 5,79% de alta puxada por Alimentação & Bebidas

IPCA fecha 2022 com 5,79% de alta puxada por Alimentação & Bebidas

Com variação de 0,62% em dezembro, o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) concluiu 2022 com inflação acumulada de 5,79%. O resultado foi 2,29 pontos percentuais acima da meta de 3,5% projetada pelo Banco Central, sendo o quarto ano em sequência sem atingir a meta, que tem um intervalo de tolerância de 1,5 ponto para mais ou para menos. 

Dos nove grupo acompanhados pelo IPCA, sete tiveram variações positivas e duas obtiveram variações negativas em 2022. O grupo de maior influência foi o de Alimentação & bebidas, que registrou 11,64% de alta e puxou o resultado para cima junto com o grupo de Saúde e cuidados pessoais (11,43%). Já o grupo Vestuário obteve a maior variação entre os monitorados pelo IPCA, 18,02% no ano, mas possui peso menor na Inflação Geral.

.

As duas deflações vieram de Transportes (-1,29%) – que tem um peso maior e, portanto, maior contribuição para frear a alta no valor final – e de Comunicação (-1,02%). Entre as capitais do Nordeste monitoradas, Recife (PE) fechou o ano praticamente com o mesmo valor nacional, 5,8% no acumulado de 2022, enquanto Fortaleza (CE) obteve 5,76%, e Salvador (BA) 6,29%.

.

Entre as justificativas do Banco Central para o resultado acima da meta estabelecida estão a existência de uma inércia inflacionária advinda de 2021, a elevação de preços de commodities, em especial do petróleo, um desequilíbrio na demanda e oferta de insumos e gargalos nas cadeias produtivas mundiais, efeitos climáticos que afetaram os preços de alimentos e, por fim, a retomada nos serviços e empregos pela volta de uma rotina mais próxima do período pré-pandêmico, graças ao estabelecimento de níveis maiores de controle da Covid-19.

As perspectivas do Banco Central são de um retorno gradual à meta, com 2023 finalizando em um patamar inferior ao de 2022. As previsões apontam para 5,0% em 2023, de 3,0% em 2024 e de 2,8% em 2025, na qual as metas para a inflação são na sequência, respectivamente, de 3,25%, 3,0% e 3,0%.

.

     

Related posts

Mercado de trabalho: setor de Automação e Mecatrônica absorve quase 100% de técnicos formados em Pernambuco

Mercado de trabalho: setor de Automação e Mecatrônica absorve quase 100% de técnicos formados em Pernambuco   Pesquisa realizada pelo Observatório da Indústria do SENAI-PE apontou para a absorção de 96,4% dos concluintes oriundos dos cursos de Automação e...

Read More