Mapa do Trabalho Industrial (CNI): quase 10 milhões de oportunidades na Indústria brasileira até 2025

Mapa do Trabalho Industrial (CNI): quase 10 milhões de oportunidades na Indústria brasileira até 2025

Pelo menos 9,6 milhões de oportunidades na indústria até 2025. Essa é a estimativa da Confederação Nacional da Indústria (CNI) assinalada no Mapa do Trabalho Industrial 2022-2025. De acordo com o estudo divulgado em maio, cerca de 2 milhões de pessoas vão precisar ser qualificadas pela primeira vez, seja para reposição de vagas inativas ou preenchimento de novas. As demais 7,6 milhões são de pessoas que precisam se atualizar em formação contínua ou outro tipo de aperfeiçoamento. A maior demanda prevista é de áreas consideradas transversais, mas também há vagas em metalmecânica, logística & transporte, construção, alimentos & bebidas e outras.

Em Pernambuco, o estudo aponta para 250 mil vagas no geral, sendo 196 mil para pessoas que precisam de algum tipo de atualização e outras 54 mil para quem precisa de formação inicial. 

Fonte: Mapa do Trabalho Industrial (CNI) /Elaboração: observatório da indústria/PE

Lançando um olhar apenas sobre cargos técnicos, estão estimadas 26.404 vagas até 2025, cerca de 6.601 oportunidades por ano (5.496 para Indústria e 1.105 para Construção). O Mapa do Trabalho traz ainda o recorte setorial e por municípios. Na tabela 1 está o top 10 por área de formação e quantidade total estimada específica de técnicos, na qual Logística & Transporte aparece como maior fonte de oportunidades com 5.380 vagas até 2025. Seguem Metalmecânica, Construção e Automotiva, respectivamente com um total de 4.228, 2.376 e 2.168 vagas.

Fonte: Mapa do Trabalho Industrial (CNI) /Elaboração: observatório da indústria/PE

A lista destaca ainda oportunidades para Automotiva; Energia, água & esgoto; Gestão; áreas transversais; Química & Materiais; Têxtil & Vestuário e Eletroeletrônica. Cruzando as oportunidades pelas mesorregiões, a Região Metropolitana do Recife abarca 57% das oportunidades, seguida pelas Mata Sul e Norte (26%). O top 5 por municípios na tabela 2 só traz áreas metropolitanas: Recife, Jaboatão dos Guararapes, Abreu e Lima, Paulista e Olinda.  Adentrando nos setores, observa-se que a maior quantidade de oportunidades será para Fabricação de veículos automotores, reboques e carrocerias, 4.308 vagas. Fabricação de produtos alimentícios deve demandar 4.196 técnicos, e Obras e Infraestrutura, 1.848. 

Fonte: Mapa do Trabalho Industrial (CNI) /Elaboração: observatório da indústria/PE
Fonte: Mapa do Trabalho Industrial (CNI) /Elaboração: observatório da indústria/PE

Related posts

Indicadores industriais em Pernambuco: utilização de capacidade instalada e confiança empresarial em alta

Indicadores industriais em Pernambuco: utilização de capacidade instalada e confiança empresarial em alta A utilização de capacidade instalada da indústria Pernambucana subiu 8 pontos percentuais e agora está em 67%, muito próxima média brasileira de 70% no mês de...

Read More