Observatório da Indústria do SENAI-PE apresenta o boletim econômico de março de 2024

Observatório da Indústria do SENAI-PE apresenta o boletim econômico de março de 2024

Nesta quinta-feira (28) o Observatório da Indústria do Senai/PE divulga o boletim econômico de março de 2024. O documento faz uma análise da conjuntura econômica nacional e local e traz informações valiosas que auxiliam na tomada de decisão.

Vale destacar que, de acordo com dados do CAGED, em janeiro de 2024, o Brasil teve um saldo positivo de 180.395 empregos, sendo as indústrias de transformação o setor com o maior saldo (65.763.) Em Pernambuco o saldo de empregos em janeiro foi de 2.292.

Em relação a dinâmica da economia, em janeiro deste ano a atividade econômica cresceu 0,6% no Brasil e 0,64% em Pernambuco ao comparar ambos os desempenhos com janeiro de 2023. A produção industrial brasileira também cresceu, 0,8% de acordo com o IBGE. Outra boa notícia é o Índice de Preços ao Produtor (IPP), que teve queda de 0,31%, o que pode ajudar a diminuir os custos de produção.

Bom desempenho também para o setor exportador. Segundo dados da Comex, em fevereiro a balança comercial brasileira teve um superávit de US$ 5,4 bilhões, valor 16% maior que o superávit registrado em janeiro. O superávit foi possível graças a US$ 23,5 bilhões em exportações e US$ 18 bilhões em importações.

O Copom, na última reunião, realizada nos dias 19 e 20 de março, cortou a taxa Selic em 0,5%. Dessa forma, a Selic saiu de 11,25% para 10,75%. O Banco Central sinalizou ainda que pode repetir o corte de 0,5% na próxima reunião.

Para mais informações acesse o boletim na íntegra: Boletim Observatório da Indústria – Edição 33 (março/2024)

Related posts

Relatório do Banco Mundial projeta crescimento de 1,7% para o PIB do Brasil em 2024

Relatório do Banco Mundial projeta crescimento de 1,7% para o PIB do Brasil em 2024 Em seu relatório semestral para a América Latina e Caribe, “Concorrência: o ingrediente que falta para crescer?”, que descreve o panorama atual da economia...

Read More